Vera Alvelos [PT]+Patrick Hubmann [AT, PT] 140 Mil Memórias

Vera Alvelos [PT]+ Patrick Hubmann [AT, PT]

140 Mil Memórias

24 > 26 MAIO 10h00 > 00h00 | INSTALAÇÃO
24 > 26 MAIO 19h30 e 22h00 | PERFORMANCE
26 MAIO 10h30 e 11h30 | VISITA/OFICINA
140 Mil Memórias é um projeto artístico que conta histórias, recolhidas por todo o concelho de Santa Maria da Feira. Estas histórias surgiram do encontro com pessoas que querem preservar as memórias e os saberes, e com pessoas que são elas próprias memórias vivas!

São memórias antigas ou mais recentes que fazem parte de um imaginário comum sobre o que é ser e pertencer a este Lugar. Pedaços de um grande puzzle que está por finalizar, feito de testemunhos variados, onde cada memória individual acrescenta algo à história de todos.

Nesta exposição propomos que, através de um Percurso Sensorial, encontre objetos, sons e palavras que são pedaços de existências, os quais devem ser descobertos sem pressas. Através de dispositivos audiovisuais descobrem-se movimentos e texturas que permitem despertar memórias.

No centro do mercado está uma Máquina de Memórias, uma instalação que é uma caixa de surpresas. Pretende refletir sobre o mecanismo misterioso de guardar memórias e recordar, ativada por um algoritmo mecânico aleatório que vai apresentando as histórias individuais e coletivas.

A Bicicleta do 140 Mil Memórias estacionou à porta do Mercado. Nos kms já percorridos, por todo o concelho de Santa Maria da Feira,  foram recolhidas muitas histórias, objetos, palavras e sons. Neste momento espera pela sua história!

 

 

VISITA/OFICINA | ABRIR A PESTANA E PISCAR O OLHO À MEMÓRIA

Há uma instalação no mercado cheia de memórias por descobrir e histórias por nascer. Para isso há que abrir a pestana e pôr as mãos na massa. Nas manhãs do festival apresentamos um conjunto de atividades para toda a família. Venham participar!

 

26 MAIO 10h30 M&M’s
Inscrições: http://bit.ly/2KdhCUr

Afinal o que é uma memória? E o que significa M&M’S? Mercado de memórias? As minhas memórias? Milhares de memórias? Este percurso leva os visitantes a explorarem os objectos e as suas histórias, e a descobrir a Máquina de Memórias. Mas, mais importante é lembrarem-se da sua própria memória!

Conceção e dinamização: Luciana Cardoso (Biblioteca Municipal de Santa Maria da Feira), Maria Manuel Gonçalves (Museu Convento dos Lóios), Sara Martins Cardoso (Biblioteca Municipal de Santa Maria da Feira) e Vera Alvelos.
Coordenação – Vera Alvelos

 

26 MAIO 11h30 MEMÓRIA DE RATO 
Inscrições: http://bit.ly/2I9oUIh

Não são só os homens que têm memória. Os animais também têm. O elefante, por exemplo, tem uma excelente memória enquanto que o peixe não se lembra de nada. E os ratos? Nesta exposição existe uma memória de rato… para a encontrarmos é preciso ir procurando por entre os objectos e as memórias dos homens até chegarmos ao sítio onde ele, o rato, deixou a sua história.

Conceção e dinamização: Maria João Pinto (Biblioteca Municipal de Santa Maria da Feira), Maria Jorge, Tiago Oliveira (Biblioteca Municipal de Santa Maria da Feira) e Ricardo Falcão.
Coordenação – Vera Alvelos

Com a colaboração dos participantes do Workshop Fazer com Gente: Ana Pedrosa, Maria Manuel Gonçalves, Jeanneth Vieira, Ana Rita Leite, Maria Jorge, Lisete da Costa, Sara Martins, Maria João Pinto, Luciana Cardoso, Tiago Oliveira, Márcia Gomes, Inês Jesus e Sara Clemente.

 

 

PERFORMANCE | PUXAR O FIO DA MEMÓRIA

Performances a partir das memórias, histórias e objetos da exposição. As memórias são como as cerejas, umas puxam as outras e num instante surgem ideias para partilhar. Espetáculos para todo o público, que unem a matéria do tempo à criatividade de hoje.

 


24 > 26 MAIO
19h30 31 MANEIRAS DE COMER UMA FOGAÇA
Teatro

Toda a gente tem algo a dizer sobre a fogaça. Alguns até abanam a cabeça e dizem regueifa. Muitas e diversas são as memórias do concelho e este espectáculo leva-nos numa ronda por umas quantas delas através da degustação da fogaça. Venha ver e prove connosco as “31 maneiras de comer uma fogaça”.

Dramaturgia e encenação – Vera Alvelos
Interpretação – Armanda Queiroz, José Pedro Pereira e Raquel Brandão
Músico/ Tocador de objetos – Ricardo Falcão

 

24 > 26 MAIO 22h00 RODA DE MEMÓRIAS
Encontro com o canto e as histórias

Ouve toar? É porque o estão a chamar. Acorra ao mercado para um encontro numa roda, em jeito de desfolhada, em jeito de partilha de histórias e canções. É que as mulheres passavam a vida a cantar e o canto misturava-se com a vida, o canto e a vida enleados. Ouve toar? Venha!

Coordenação artística: Vera Alvelos
Criação conjunta com o Grupo Cantadeiras d’Antanho do Orfeão da Feira: Ana Valente, Ana Marques Sá, Cátia Soares, Catarina da Luz, Fábio Sá Ferreira Pinto, Maria do Céu Paiva, Maria Goreti Abelha, Maria Almeida Silva, Maria Moreira da Silva, Maria Tavares, Natália Silva, Vanessa Inácio Pita e Rosa Rocha.